Perspectivas e considerações sobre etnografia e folclore.

10
Jan 11

 

Leilão dos Reis em Telhadela, dia 9 de Janeiro, após a missa dominical. Uma tradição secular que esmorece cada ano que passa, o seu objectivo é angariar fundos monetários para a manutenção da capela em honra de Santa Ana Padroeira de Telhadela.

Outrora com o adro repleto de pessoas, este leilão era alvo de acesas disputas do ofertante, sobre o bem por ele dado, fosse; milho, ovos, cebolas, chouriças, vinho, etc… segundo a tradição competia a ele ficar com o bem oferecido, por vezes para reaver a sua oferta, chegava a pagar quatro a cinco vezes do valor real da oferta por ele realizada, pois haviam outros compitas para espicaçar o valor, isto sempre no sentido de angariar o máximo de maquia para a capela.

Voltando ao presente. Ontem, cumprindo a tradição, quem ficou com as chouriças colocou-as a assar na churrasqueira que se vê na foto, bem como quem ficou com o vinho, repartiu-o pelos participantes.

publicado por byelaeskura às 19:23

Janeiro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO